tv face

Estrada Sarandi/Natalino recebe denominação

Data Publicação: 29/08/2017 Publicado por: Secretaria

Estrada Sarandi/Natalino  recebe denominação

No dia 28 de agosto, em sessão ordinária, a Câmara de Vereadores aprovou projeto de lei do próprio Legislativo segundo o qual fica denominada “Guerino Pasqualotto” a Rodovia Municipal cujo trecho está localizado entre a rodovia estadual RS 404 (trevo de acesso á cidade de Sarandi) e a rodovia estadual RS 324 (esquina Natalino). A votação foi acompanhada por três dos filhos do homenageado. Os autores do projeto, aprovado por todos os demais, justificaram a homenagem na exposição de motivos onde relatam que Guerino Pasqualotto , nasceu em Guaporé, hoje município de serafina Corrêa. É o 9° entre os 12 filhos do casal Vicenso Pasqualotto e Elisa Marchioro. É neto dos imigrantes italianos .

Filho de agricultores, profissão que exerceu durante anos na Linha Mendes Baixo, onde seus pais desembarcaram quando chegaram no município de Sarandi. Guerino veio morar na cidade de Sarandi, onde inicialmente trabalhou como marceneiro. Foi taxista, hoteleiro, comerciante e corretor de imóveis. Interessava-se por política e economia, características que passou para seus filhos. Foi um dos pioneiros na indústria da confecção têxtil em Sarandi. Na década de 70, com sua esposa Amélia Pasqualotto, iniciou as atividades no ramo de malharia. Guerino participou ativamente na sociedade, sempre como um dos primeiros sócios dos clubes esportivos e sociais de Sarandi, como Clube Comercial, Clube Harmonia e Clube Ipiranga, sendo sócio remido dos três. Casou-se com a professora Amélia Carolina Dornelles Pasqualotto, com quem teve 9 filhos: Eliza Maria Pasqualotto, Simoni Terezinha Pasqualotto, Consuelo Angela Pasqualotto, Efrain Domingos Pasqualotto, Isac Cipriano Pasqualotto, Núbia Sarah Pasqualotto, Amós Petrônio Pasqualotto e Saraí Amélia Pasqualotto.

Guerino Pasqualotto faleceu em 14-03-1986, aos 68 anos de idade, já aposentado das suas atividades, profissionais, concluindo assim a sua trajetória de vida. Os autores do projeto foram Paulo Colett, Airton Ortiz, Norma Ewerling, Eloir Carpenedo, Claudinor Lorini e Alex Rodrigues. O projeto foi aprovado por unanimidade pela Câmara Municipal. Na mesma sessão foi aprovada autorização legislativa para que se torne possível à celebração de um convênio entre o Município de Sarandi e o DAER/RS, com vistas à recuperação da estrada Sarandi/Natalino.

 

Ao longo dos últimos anos muitas foram as proposições no sentido de encontrar uma solução definitiva para o problema da estrada Sarandi/Natalino, que perfaz uma extensão de aproximadamente 16 Km.

 

O asfaltamento até agora não foi possível, mas a recuperação da estrada já significaria indubitavelmente uma grande conquista para toda a região, que dela necessita para a escoação de grãos em tempo de safra, e para o acesso a outros centros maiores diz a justifica do convênio. ( Jose Leal-Divulgação Câmara de Vereadores)