tv face

Legislativo homenageia CTG Porteira da Querência

Data Publicação: 05/12/2017 Publicado por: Secretaria

Legislativo homenageia CTG Porteira da Querência

Em sessão solene no dia 04 de dezembro a Câmara de Vereadores homenageou o CTG Porteira da Querência pelos seus 45 anos. Com a presença da patronagem atual, ex - patrões, prendas e invernadas da entidade tradicionalista e convidados a sessão contou ainda com declamação e pronunciamentos. A homenagem  foi proposta pelos vereadores do PDT, Wilmar Azerede, Denise Gelain, Erni Maciel , Rudimar Signor e pelo presidente do Legislativo e líder do PMDB vereador Delegado Cezimbra e aprovada pelos demais vereadores.

Se pronunciaram os representantes das bancadas, o prefeito Leonir Cardozo, o presidente da Câmara de Vereadores Delegado Cezimbra e em nome do CTG Nilton  Debastiane e o patrão atual Pablo Mari. Foram tambem homenageados os ex-patrões José Pereira de Oliveira, Naum Grossi, Valdomiro Ferreira Nogueira, Tales Tissiani, Luiz Alberto Verardi , Paulo Lourenço dos Santos, Ernani Henkes, Jair Tolotti, Saul Rovadoski, Lirio Donassollo, Nilton Debastiane,  Osmar Anselmi, Roberto Tomazi, Miguel de Melo, Irineu Taparelo, Norberto Petry, Idone Kreling e o patrão atual Pablo Mari .

História

No dia 14 de julho de 1972, foi fundado o Centro de Tradições Gaúchas Porteira da Querência, tendo como 1° patrão o Sr. José Pereira de Oliveira . O nome escolhido, Porteira da Querência, foi uma homenagem aos antigos CTGs: Porteira Velha e Rincão da Querência.  O Lema do CTG é: “Na Porteira da Tradição Sempre Alerta”.
Nossa Entidade tem como objetivos:
Desenvolver atividades em defesa do patrimônio moral e cultural do RS, mantendo o espírito, cordial e hospitaleiro, que são próprios do Gaúcho;   Divulgar as tradições Rio-Grandenses, sua história, músicas, lendas, danças, usos e costumes, praticando-os e transmitindo-os às novas gerações;
Proporcionar ao associado e sua família condições para a prática do tradicionalismo através da participação em cursos, palestras, reuniões, atividades culturais e festivas, fandangos e rodeios.( José Leal-Divulgação Câmara de Vereadores ) ("Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.")